Posts com Tag ‘tempo’

 

VOCÊ SABE QUE ALGUÉM É PAULISTA QUANDO…

Na fala:

a) chama o semáforo de ‘farol’;
b) diz ‘bolacha’ em vez de biscoito;
c) diz ‘cara’ em vez de menino;
d) diz ‘mina’ em vez de menina;
e) diz ‘bexiga’ em vez de balão;
f) diz ‘sorvete’, tanto para picolé como para sorvete de massa;
g) acha que não tem sotaque nenhum;
h) ri do sotaque de todo mundo (gaúcho, carioca, mineiro, nordestino,etc…);
i) vê uma pessoa mal vestida e chama de ‘baiano’;
j) é extremamente possessivo, pois emprega a palavra ‘MEU’ em praticamente todas as frases.

No clima:

a) fala sobre o tempo para puxar assunto;
b) enfrenta sol, chuva, frio, calor, tudo no mesmo dia e acha legal…
c) sai todo agasalhado de manhã, tira quase tudo a tarde e põe tudo de volta à noite;
d) tem mania de levar o carro para polir no sábado ou no domingo. O carro fica brilhando, só que toda vez que vai sair com ele para passear… CHOVE.

Na praia:

a) fala que vai para praia sem especificar qual;
b) fica a temporada no Guarujá, Maresias ou Ubatuba, mesmo que chova mais do que faça sol;
c) chama Ubatuba de ‘Ubachuva’;
d) fala mal da Praia Grande, mas toda virada de ano fica sem dinheiro e acaba indo para lá.

Nas esquisitices:

a) faz fila para tudo (elevador, banheiro, ônibus, banco, mercado,casquinha do MC’DONALDS, etc.);
b) repara nas pessoas como se fossem de outro planeta;
c) cumprimenta os vizinhos apenas com ‘oi’ e ‘tchau’;
d) espera a semana inteira pelo final de semana e quando ele chega, acaba não fazendo ‘nada’;
e) convida: ‘Passa lá em casa’, mas nunca dá o endereço;
f) chama o povo do interior de São Paulo de ‘caipira’.

Principal:

a) ri de si mesmo ao perceber que tudo acima é verdade e encaminha para todos os amigos;
b) e como todo paulista, estou fazendo minha parte…  

Anúncios

No parque, uma mulher sentou-se ao lado de um homem.
Ela disse:
Aquele ali é meu filho, o de suéter vermelho deslizando no escorregador.

– Um bonito garoto – respondeu o homem. E completou: – Aquela de vestido branco,pedalando a bicicleta, é minha filha.

Então, olhando o relógio, o homem chamou a sua filha.
– Melissa, o que você acha de irmos?
– Mais cinco minutos, pai. Por favor. Só mais cinco minutos!

O homem concordou e Melissa continuou pedalando sua bicicleta, para alegria de seu coração.

Os minutos se passaram, o pai levantou-se e novamente chamou sua filha:
– Hora de irmos, agora?

Mas, outra vez Melissa pediu:
– Mais cinco minutos, pai. Só mais cinco minutos!

O homem sorriu e disse:
– Está certo!

– O senhor é certamente um pai muito paciente – comentou a mulher ao seu lado.

O homem sorriu e disse:
– O irmão mais velho de Melissa foi morto no ano passado por um motorista bêbado, quando montava sua bicicleta perto daqui. Eu nunca passei muito tempo com meu filho e agora eu daria qualquer coisa por apenas mais cinco minutos com ele.
Eu me prometi não cometer o mesmo erro com Melissa. Ela acha que tem mais cinco minutos para andar de bicicleta. Na verdade, eu é que tenho mais cinco minutos para vê-lá brincar…

Em tudo na vida estabelecemos prioridades.
Quais são as suas?

Lembre-se: nem tudo o que é importante é prioritário, e nem tudo o que é necessário é indispensável!

Dê, hoje, a alguém que você ama mais cinco minutos de seu tempo.
Eu parei 5 minutos para encaminhar esta mensagem a você

E você, pode perder 5 minutos para passá-la adiante?
“Aquele que procura um amigo sem defeitos termina sem amigos.”

ABRAÇOS A TODOS OS AMIGOS!

(Por e-mail)

Três coisas na vida que depois de passarem não voltam:
1. Tempo;
2. Palavras;
3. Oportunidades;
 
Três coisas que podem destruir uma pessoa:
1. Raiva;
2. Orgulho;
3. Não perdoar;
Três coisas que nunca devemos perder:
1. Esperança:
2. Paz:
3. Honestidade:
As Três coisas mais valiosas:
1. Amor:
2. Família;
3. Amigos;
Três coisas que nunca podem ser dadas como certas:
1. Fortuna;
2. Sucesso;
3. Sonhos;
Três coisas que fazem ser uma pessoa digna:
1. Devoção e compromisso;
2. Sinceridade;
3. Trabalho honesto;
Três verdades constantes:  
 – Pai;

– Filho;

– Espírito Santo;

Lembranças

Publicado: sexta-feira, 25, abril, 2008 por RMAX em Cotidiano, Lazer, Músicas, Videos
Tags:, , , , , , , ,

Ao som de Coolio- Gangster’s Paradise, nesse momento que me pego a pensar no passado, na epoca que não pensavamos muito no futuro distante, que se faz presente agora, onde não paravamos para pensar no amanhã. Roles na madrugadas não faltaram, cercados de amigos, sorrisos e descontração, entre um Monza Tubarão ou até um Scortão XR3, ao som de Coolio muitas vezes se fez.

Muitas lembranças me vem agora, do irmão que se foi e deixou um vazio até hoje em minha vida, da epoca de SK8, balões, pipas, até o fut nas ruas ou no coleginho aos domingos, sentados na calçada até altas horas, dos contos de terros aos montros de chocolates, das batatas nas fogueiras da esquina, ou das bermudas rasgadas nas corredeiras, das chaves perdidas, ou das palmadas ardidas, das casas mal assombradas, ou dos xixis para as divisões de ruas(rsrsrsr). Sem arrependimentos, com consciencia de ter vivido um passado dee muitas lembranças, felizes lembranças.  É MEUS CAROS O TEMPO NÃO PARA!!!

Essa musica é dedicada aos que viveram comigo todas essas histórias, Mosca, Zé, Beiço, in memorian Soneca,  

(trilha do filme Mentes Perigosas – Dangerous Minds 1995)

Coolio- Gangster’s Paradise

Coolio
Gangsta’s Paradise (tradução)Música: Paraíso dos BandidosEnquanto eu caminho pelo vale da sombra da morte
Eu dou uma olhada em minha vida
e percebo que não sobrou nada
Porque tenho farreado e estou rindo há tanto tempo
Que até minha mãe acha que meu juízo acabouMas eu nunca atraiçoei um cara que não merecesse
Eu, ser tratado como um imprestável
Você sabe que nunca aconteceu
É melhor que você preste atenção como está falando
E onde está andando
Ou você e tua família podem acabar marcados com gizEu realmente odeio me enganar, mas tenho que trancar
Enquanto eles resmungam
eu me vejo na fumaça da pistola
Idiota, sou o tipo de gangster
que os garotinhos da família querem ser
De joelhos à noite
fazendo orações na luz da ruaREFRÃO:
Desperdiçando a maior parte de nossas vidas
vivendo no paraíso de bandidos (x2)
Continuamos a desperdiçar
a maior parte de nossas vidas
vivendo no paraíso dos bandidos (x2)Olhe a situação que eles me fizeram encarar
Não consigo viver uma vida normal,
fui criado pelo estado
Então tenho que ficar com a turma do bairro
Assistir televisão demais me deixou perseguindo sonhos
Sou um bobo educado, com dinheiro na cabeça
Tenho meus dez na mão e um brilho nos meus olhos
Sou um bandido trancado no lado de fora,
um fogo de artifício ligeiro
E meus familiares estão deprimidos
então não provoque minha raiva
Bobo! Morte não é nada,
está apenas a uma batida de coração de distância
Estou vivendo a vida, vivo ou morro, o que posso dizer?
Tenho 23 anos agora, viverei para ver os 24?
Do jeito que as coisas estão indo, não seiMe diga, porque somos tão cegos para perceber
Que aqueles que magoamos somos eu e você?

REFRÃO

O poder no dinheiro, o dinheiro no poder
Minuto após minuto, hora após hora
Todo mundo está fugindo,
mas metade não está olhando
Está rolando na cozinha
mas não sei o que está cozinhando
Eles dizem que tenho que aprender
Mas não tem ninguém aqui para me ensinar
Se eles não conseguem compreender isso,
como eles podem me alcançar?
Acho que eles não podem, acho que eles não vão
Acho que eles estão encarando
É por isso que sei que minha vida está sem sorte, bobo!

REFRÃO

Me diga, porque somos tão cegos para perceber
Que aqueles que magoamos somos eu e você?

Me diga, porque somos tão cegos para perceber
Que os únicos que ferimos fomos eu e você?

Fonte: Vagalume